domingo, 27 de fevereiro de 2011

BARRIGA
(Mary Anita Pina Marques)
Barriga
Barriga do amor
Barriga, de que me queixo?
Barriga que dá na vista
Barriga depois da briga
Barriga que dá direitos...
Barriga sem preconceitos
Barriga bonita!
Barriga... barrigas.

E quantas há com barriga?
E quantos querem estar na barriga?
E quantas querem estar de barriga?
E quantos rejeitam barriga?

Parir!
Alimentar
Ou ser a espiã do mundo?
De medo chora pra perder
A barriga!
Ou choro ouvir
Ao sair da barriga...

Barriga não há defeito!
Barriga, te curto tanto
que de vida me encanto
e de ti me enfeito!

Nenhum comentário: